Programas e procedimentos importantes na área da saúde

No contexto da saúde, procedimentos dermatológicos e estéticos podem não estar necessariamente associados a uma obrigação de saúde. No entanto, o uso de técnicas para reduzir manchas, marcas de expressão e hidratar a pele são comuns.

O melasma, por exemplo é uma condição caracterizada por manchas que se espalham no rosto por causa do sol. De acordo com o Instituto Avançado de Cirurgia Plástica e Dermatologia, essa condição atinge 33% da população latino-americana.

Neste contexto, a Intradermoterapia para melasma é uma técnica não invasiva que tem como objetivo amenizar o efeito das manchas no rosto.

Do mesmo modo há técnicas para quem deseja reduzir o excesso de gordurinhas na barriga ou nas medidas laterais do corpo.

Neste cenário, a chamada lipo sem corte é um novo procedimento. No entanto, o procedimento de intradermoterapia para gordura localizada é uma técnica não invasiva e que também está se tornando comum para essa finalidade.

Independente do peso, do formato do corpo e dos objetivos estéticos, há uma série de programas e procedimentos na área da estética em alta que podem, inclusive, proporcionar mais saúde e bem-estar.

Se você quer saber mais sobre técnicas não invasivas e alternativas para cirurgia plásticas tradicionais, saiba que esse artigo pode te ajudar!

Intradermoterapia para melasma

Como o próprio nome sugere, a técnica de intradermoterapia para melasma é uma técnica que consiste no tratamento interno da pele.

O melasma é uma condição decorrente de manchas causadas no corpo por causa da exposição solar inadequada. Neste contexto, há uma série de procedimentos para reduzir as manchas.

Contudo, a chamada intradermoterapia com foco no melasma é uma opção não invasiva que, cada vez mais, está se expandindo nessa área.

Na prática, a intradermoterapia para melasma funciona com várias injeções pequenas, com substâncias diversas e que são aplicadas na área afetada. Esse processo pode trazer melhoras nos seguintes aspectos:

  • Redução das manchas no rosto;
  • Redução de flacidez no corpo;
  • Melhora na hidratação da pele;
  • Rejuvenescimento facial.

Embora o foco muitas vezes seja direcionado ao rosto há quem use essa técnica também como um possível tratamento para estrias.

Há sim indícios que o procedimento reduz as manchas. No entanto, é preciso ter bastante cuidado nas expectativas. Afinal, as estrias podem ser desenvolvidas de formas diferentes e, dependendo do tempo de existência da marca, a técnica pode não funcionar.

Atenção: Para melhores resultados este tratamento precisa ser realizado uma vez por semana. A ideia é que os resultados apareçam em um período variável de 6 a 12 sessões. Quando há combinação com outros procedimentos estéticos, os resultados podem ser aprimorados.

Intradermoterapia para gordura localizada

A gordura localizada é uma característica que pode incomodar muitas pessoas. Neste sentido, uma das alternativas para reduzir essa condição é a intradermoterapia para gordura localizada.

Assim como o método anterior, essa técnica consiste na aplicação de medicamentos sobre a região afetada. De acordo com a Sociedade Brasileira de Biomedicina Estética (SBBME), esse procedimento é indicado não só para as mulheres como também para os homens.

Além da redução da gordura, há quem aproveite o procedimento para amenizar celulites ou aprimorar o tratamento de estrias

Como funciona o procedimento?

Assim como o método anterior, essa técnica pode ser feita com agulhas finas e curtas que vão atuar sobre o tecido. São as chamadas micro injeções e a ideia é atravessar a superfície, nutrindo o corpo com substâncias como:

  • Aminoácidos;
  • Enzimas;
  • Substratos nutrientes;
  • Vitaminas.

Para ter melhores chances de resultado, certifique-se que o procedimento é feito por um profissional capacitado com autorização da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa).

Outras técnicas

A intervenção estética na depilação feminina é algo cada vez mais comum. Tanto que uma das alternativas para evitar possíveis alergias e evitar que os pelos cresçam de forma rápida é a depilação a laser.

Com aparelhos de led, essa técnica é feita em sessões e pode ser aplicada nas axilas e na região íntima. Cada organismo reagirá de uma forma, mas especialistas afirmam que após algumas sessões, é natural que a região fique mais clara no local dos pelos.

Neste contexto, essa é uma boa alternativa para substituir lâminas de depilação, ceras e outros métodos dolorosos.

Por fim, o Programa afine se é um projeto brasileiro que tem como foco unir as pessoas que querem perder peso com hábitos saudáveis.

Contrariando efeitos sanfonas e dietas malucas, o programa convida as pessoas a mudarem hábitos de consumo e comportamento para desenvolver qualidade de vida.

Com essas mudanças, somadas à reeducação alimentar, a ideia do projeto é incentivar as pessoas que querem emagrecer de forma saudável.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *