Hormônios: Descubra o que fazer se deseja emagrecer

O corpo humano possui diversas glândulas e órgãos que ajudam na metabolização de hormônios. Essas glândulas estão presentes nas axilas, ajudando na excreção do suor, na boca por meio das salivares e a tireoide, localizada no pescoço, por exemplo.

Contudo, a maior glândula do corpo humano é o fígado, órgão responsável pela produção de várias substâncias importantes tanto no sistema digestivo como para o sangue.

Apesar disso, muitas pessoas apresentam alguns problemas hormonais que causam uma desregulagem do funcionamento desses órgãos.

Isso pode ocasionar um aumento ou perda de peso excessivo, obesidade (inclusive infantil), problemas sentimentais, na menstruação, sudorese e até mesmo depressão.

Por isso, existe um médico especialista em endocrinologia e metabologia, que é especialista em hormônios e metabolismo humano.

No caso de distúrbios hormonais, esse médico atua na solicitação de exames que vão desde o sangue até a urina, para verificar os níveis de hormônio.

A partir daí, esse profissional vai indicar alguns remédios e procedimentos para atingir os objetivos necessários. Neste artigo vamos falar no caso de pessoas que precisam emagrecer.

Controle de hormônios e ações importantes para quem deseja emagrecer

Um dos problemas de boa parte das pessoas é o excesso de peso. O problema mesmo é quando o aumento do peso se torna obesidade.

Se isso for na infância é ainda pior, pois trará um adulto com vários problemas de saúde. O excesso de peso ou obesidade pode trazer problemas como:

  • Má circulação do sangue;
  • Obstrução das veias;
  • Diabetes;
  • Hipertensão;
  • Redução do metabolismo;
  • Problemas cardiovasculares;
  • Problemas respiratórios.

Muitas pessoas ganham muito peso não somente pela alimentação inadequada, mas por problemas com hormônios e ansiedade. Por isso, o médico endocrinologista pode ajudar orientando sobre os melhores procedimentos a se adotar.

Um desses procedimentos pode envolver o uso de medicamento manipulado para emagrecer. Esse medicamento acelera o metabolismo e contribui para evitar a concentração de gordura.

Geralmente, ele será consumido antes das refeições. Mas, não adianta tomar somente o remédio, é preciso ter ações que unam uma boa alimentação e envolvam também a prática de exercícios físicos.

Por isso, o endocrinologista recomenda que os pacientes busquem por um nutricionista, para realizar uma nutrição comportamental.

Esse profissional é focado em boa alimentação, retirando elementos que possam causar mal à saúde, como alimentos ricos em gorduras ruins e açúcar, que contribuem para o aumento do colesterol.

Para quem quer emagrecer e ter qualidade de vida, é importante abusar no consumo de frutas, verduras, legumes e proteína, deixando de lado o excesso em carboidratos, ultraprocessados e frituras.

Outra ação bastante interessante que melhora o peso e proporciona interação é a prática de atividades esportivas coletivas.

Se movimentar é fundamental para queima calórica. Em grupo, é possível realizar diversas atividades como dança, corrida, natação, futebol e outras atividades que devem ser orientadas e supervisionadas por um médico.

O que você precisa saber sobre a massagem redutora?

Realizar uma massagem redutora de medidas pode ser uma ação muito importante para quem deseja uma melhora do contorno do corpo. Vale lembrar que esse procedimento não emagrece necessariamente, mas melhora o contorno e, consequentemente, a autoestima do paciente.

Isso porque a massagem redutora de medidas atua no tecido corporal, tornando-o mais maleável. Isso faz com que esse tecido circule e tenha um aumento em seu metabolismo.

A movimentação dos tecidos pode ocorrer de forma intensa, a depender da concentração de gordura e da necessidade do paciente.

Essas massagens podem ser realizadas em todo o corpo, sendo que é mais comum na barriga, que concentra muita gordura localizada, costas e pernas.

Outros procedimentos estéticos

Além dos procedimentos que citamos acima é importante destacar que muitas pessoas sofrem com baixo autoestima por conta do seu corpo.

Um dos elementos que podem causar isso é ter seios pequenos. Além disso, muitas mulheres que amamentam sofrem com a flacidez dos seios, o que pode vir afetar sua autoestima. Por isso, muitas mulheres buscam por uma prótese de silicone definitiva.

Essa prótese é aplicada por procedimento cirúrgico, sendo um médico profissional e especialista em cirurgia plástica deve ser consultado.

O silicone além de dar volume aos seios, melhora seu contorno e sua beleza. É importante estar atento ao médico responsável pelo procedimento, pois ele deve ser um especialista em sua área. Além disso, antes do procedimento o médico deve fazer exames para verificar como está a saúde da paciente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *